Apesar de estarmos longe de chegar a um ideal de preocupação com a saúde e bem-estar, o brasileiro está cuidando cada vez mais do corpo, o que faz com que ambientes voltados a exercícios físicos ganhem mais adeptos.

Diante deste cenário, fica evidente que investir em academias pode ser um investimento com retorno favorável, entretanto, para iniciar um negócio neste setor é importante conhecer alguns pontos e seguir alguns passos.

Vamos conhecer agora como criar uma academia de sucesso.

Planejamento do negócio

Ter um bom plano de negócios pode representar mais do que 50% de chances do seu empreendimento dar certo.

Saiba que as empresas de sucesso todas foram pautadas em planejamentos estratégicos. No caso de uma academia, algumas perguntas podem ser interessantes para que você comece a ter um norte.

Lembre-se que o “plano de negócios” irá abranger muito mais do que o apresentado aqui, porém, já irá servir para que você dê um pontapé inicial.

  • Qual será o propósito do meu negócio? No caso a academia.
  • Quanto de dinheiro estou disposto a investir?
  • Quais serão meus custos fixos e possíveis variáveis?
  • Eu já tenho um local em mente? E este local é favorável?
  • A minha academia irá ter um diferencial além de equipamentos tradicionais?
  • Eu tenho um capital de giro para manter e cobrir imprevisto durante um tempo?
  • Eu já sou um profissional habilitado ou terei que contratar?

É claro, como já citado anteriormente, que estas perguntas são apenas o início do planejamento, mas você já irá conseguir ter uma noção de alguns pontos indispensáveis do projeto.

Fazer uma pesquisa de viabilidade

Este tópico pode estar englobado nos itens citados anteriormente, porém, ele merece uma atenção especial, pois as informações adquiridas nesta pesquisa, nortearão o projeto.

O primeiro passo da sua pesquisa será avaliar a concorrência na sua cidade.

Vale lembrar que hoje em dia existem diversos profissionais que atuam online, como é o caso do Rodrigo Polesso, que criou o curso Código Emagrecer de Vez, então é preciso fazer um estudo dentro e fora da internet, pois o mundo virtual pode trazer diversas dicas para você implementar na sua futura academia, inclusive investir em um bom marketing digital.

Com este passo inicial, você irá identificar os possíveis diferenciais que a sua academia poderá ter, e também ajudará nas definições de mensalidades, dentre outras coisas.

Lembrando que neste tópico, é importantíssimo que você já faça ou comece a pensar na escolha do local.

Compra e escolha de equipamentos

Para que esta etapa seja concluída, duas coisas você precisa ter em mente: Qual a porcentagem do seu capital você quer disponibilizar para a compra, e também, já ter o público-alvo definido, para que os equipamentos sejam voltados para eles.

Independente da quantidade ou dos tipos de equipamentos, você deverá fazer uma pesquisa de mercado (virtual e real), pois só assim você encontrará os melhores preços, sem esquecer da qualidade.

Parte burocrática

Como todo negócio, a parte burocrática é indispensável para que sua empresa fique legalizada. Quando se trata de uma academia, quais serão os documentos necessários para a legalização? É isso que vamos entender agora, com a ajuda da contadora Denise Costa, responsável pela Hope Contábil.

1° Passo

Você deverá comparecer até a junta comercial do seu estado (pode ser no Cartório de Registro de Pessoa Jurídica), munidos das cópias dos documentos pessoas, CPF e RG, contrato social, modelos da Ficha de Cadastro Nacional e também os juros quitados pela DARF (Documento de arrecadação de Receitas Federais).

2° Passo

Logo após o reconhecimento de firma, você irá receber um número, também conhecido como NIRE, que servirá como identificação do registro.

Na Receita Federal, com os documentos exigidos pelo órgão, você irá obter o CNPJ da empresa.

3°Passo

Já com o NIRE, você deverá se dirigir até a prefeitura da cidade sede da sua academia e pedir o alvará de funcionamento. Para obter o aparato fiscal, necessário para o funcionamento da academia, você deve realizar a inscrição estadual e cadastro na previdência social.

Profissionais necessários

Para ser o proprietário de uma academia, não é necessário você ser um educador físico, porém para algumas atividades você deverá ter um profissional com formação na área.

Já imaginou frequentar um local onde os profissionais não são habilitados e qualificados? Não seria tão bom, não é? Então, para que sua academia tenha um bom destaque perante as outras é interessantíssimo que você contrate quem realmente entende do assunto.

Por mais que existam diversos caminhos para que seu negócio flua de maneira exemplar, são estes os passos necessários para que a sua academia tenha sucesso e retorno financeiro.

É importante lembrar que todo negócio terá imprevistos mesmo com o planejamento afiado, então se está pensando em entrar de cabeça neste mundo, prepare-se para muito estudo, dedicação e paciência.

Se o medo te dominar e te impedir de começar, lembre-se que a vida só acontece para quem tem coragem de arriscar.

Leave a Reply